quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Camille Doncieux, a musa de Claude Monet

Camille Doncieux  nasceu em 1847  e faleceu a 5 de setembro 1879. Foi a primeira esposa de Claude Monet .
Ela posou para o marido em várias ocasiões, inclusive para a obra Camille, A Mulher com vestido verde. Além de ser a modelo preferida de Monet, ela também foi musa de Pierre - Auguste Renoir e Édouard Manet .
Em meados da década de 1860, Claude Monet era ainda completamente desconhecido como artista. Durante dois anos, o jovem pintor havia trabalhado no estúdio de Charles Gleyre, em Paris, onde conheceu Pierre-Auguste Renoir, Frédéric Bazille e Alfred Sisley. Todos eles tinham um único objectivo: mostrar uma pintura no Salão de Paris. Naqueles dias, o sucesso na exposição anual  permitia o sucesso na carreira artística.
Foi por essa altura que Monet conheceu Camille-Léonie Doncieux. Ela tinha 18 anos na época, e Monet tinha 25 anos. Ela nasceu em Lyon, em 1847 e tinha ido para Paris com os seus pais ainda criança. Lá, começou a trabalhar como modelo para o pintor. Mas Camille era mais do que uma modelo de Monet: ela era sua amiga e amante, e  tornou-se a mãe dos seus dois filhos. Camille é descrita como bem parecida com o cabelo escuro, muito graciosa, cheia de charme e gentileza. Monet, seu futuro marido, ficou impressionado com a sua beleza. A primeira vez que nos deparamos com Camille numa pintura de Monet é num estudo para a sua obra Déjeuner sur l'Herbe. Monet, que era conhecido pela sua veia competitiva decidiu pintar a sua própria versão do Déjeuner sur l'Herbe , na primavera de 1865. Em última análise, a pintura não foi um sucesso. Monet não foi capaz de terminá-la a tempo para o Salão de 1866 e acabou por abandonar o trabalho. 
Posteriormente Camille foi a musa da obra Camille ou Mulher com vestido verde. Com  este trabalho, Monet ganhou a aclamação da crítica. Não é estritamente um retrato de Camille. É tudo sobre o vestido. Ela era simplesmente o seu modelo para a pintura. A primeira coisa que salta à vista quando olhamos para o trabalho é a cor do vestido de passeio que provavelmente tinha sido emprestado para a ocasião. A cor do vestido domina a pintura e até  diminui a própria mulher. A pintura foi aceite pelo júri do Salão e tornou-se um sucesso imediato.
O casal teve dois filhos: Jean Monet e Michel Monet. O nascimento do segundo filho enfraqueceu Camille Doncieux que se encontrava doente e faleceu a 5 de Setembro de 1879, com 32 anos.
wikipedia (Imagens)
Arquivo: Claude Monet - Camille.JPG
Camille - Claude Monet
Arquivo: Dans-la-pradaria-de-Claude-001.jpg
No Prado - Claude Monet
Arquivo: Mulheres com guarda-chuva (1875) de Claude Monet.jpg
Uma mulher com sombrinha - Claude Monet
Arquivo: Claude Monet 024.jpg
Mulheres no Jardim - Claude Monet

Arquivo: Pierre-Auguste Renoir - Madame Monet e seu Son.jpg
Madame Monet e o seu filho - Pierre Auguste Renoir


Sem comentários:

Enviar um comentário