domingo, 25 de setembro de 2016

25 de Setembro de 1849: Morre o compositor austríaco Johann Strauss (pai)

Johann Strauss ou Johann Baptist Strauss foi um compositor austríaco. Nasceu em Viena no dia 14 de Março de 1804, foi o primeiro grande compositor da família Strauss. Após uma formação autodidacta, tornou-se violinista na orquestra de Michael Pamer, conhecido compositor de música ligeira. Mais tarde, regeu a orquestra de Joseph Lanner.
Casou com Maria Anna Streim, em 1825, na igreja paroquial de Liechtenthal, em Viena. O seu casamento foi instável com as suas ausências prolongadas, levando a um afastamento gradual entre o casal e, mais tarde, Emilie Trampusch tornou-se sua amante  e teve com ela seis filhos.
Apresentou pela primeira vez ao público vienense uma valsa da sua autoria, Täuberlwalzer (1826), baptizada, segundo a moda da época, com o nome do local onde se realizou a estreia. Fundou o seu próprio grupo (1830) e passou a ser visto como o maior músico austríaco da época e ganhou prestígio internacional a partir do momento em que passou a realizar (1833) frequentes apresentações pela Europa. Nomeado director dos bailes imperiais (1833), escreveu 18 marchas, entre as quais a célebre Marcha Radetzky, mais de 150 valsas e inúmeras polcas, quadrilhas e outras peças de dança, todas notáveis pelo brilho melódico e rítmico.
Strauss morreu em Viena no dia 25 de Setembro de 1849 de "escarlatina" que contraiu a partir de um de seus filhos ilegítimos. Foi enterrado no cemitério ao lado do seu amigo Döblinger Josef Lanner. Em 1904, os seus restos mortais foram transferidos para o túmulo no Cemitério Central de Viena.
wikipedia (imagens)
Ficheiro:Johann Strauss I (2).jpg
File:Johann Strauss I (1).jpg
Johann Strauss em 1837


Sem comentários:

Enviar um comentário