sexta-feira, 17 de março de 2017

17 de Março de 1945: Nasce a cantora brasileira Elis Regina

Cantora brasileira, Elis Regina Carvalho Costa nasceu a 17 de março de 1945, em Porto Alegre, e morreu a 19 de janeiro de 1982, em São Paulo, vítima de overdose, supostamente na sequência de uma combinação excessiva de bebidas alcoólicas e cocaína. Oriunda de uma família relativamente pobre, Elis sempre demonstrou ter um talento natural para a música, reproduzindo desde cedo canções, tanto em espanhol como em português, que ouvia no rádio. Ainda criança, aprendeu a tocar piano e, para conseguir comprar este instrumento, começou a cantar tinha apenas 11 anos de idade. Acabaria por se tornar uma pequena celebridade graças à sua participação num concurso infantil promovido por uma rádio local.
Assinou o seu primeiro contrato profissional aos 13 anos e, um ano depois, já ganhava mais dinheiro do que o próprio pai. Gravou o seu primeiro LP, Viva a Brotolândia, em 1961, no Rio de Janeiro, para onde acabaria por se mudar definitivamente em março de 1964.
"Pimentinha", apelido que lhe foi aposto, depressa se tornou uma das mais importantes intérpretes de música brasileira, sobretudo quando, em 1965, obteve o seu primeiro sucesso com Arrastão, uma controversa canção de Vinicius de Moraes e de Edu Lobo, com que se sagrou vencedora do I Festival de Música Popular Brasileira da TV Excelsior. Estava conquistado o estatuto de "rainha da música popular brasileira".
Casou, pela primeira vez aos 22 anos de idade, com Ronaldo Boscoli, 16 anos mais velho que ela e considerado por muitos como o D. Juan do Rio. Deste casamento, teve um filho, João Marcelo. Mais tarde, Elis viria a casar-se com César Camargo Mariano, com quem acabaria por ter dois filhos, Pedro e Rita.
Possuidora de uma voz marcante, Elis interpretou canções de grande qualidade lírica e musical, compostas por músicos como Renato Teixeira, Chico Buarque, Edu Lobo, Baden Powell, João Bosco, Vinicius de Moraes, Gilberto Gil, Milton Nascimento, Ivan Lins, entre outros; participou em vários festivais e movimentos de carácter político; e desenvolveu a sua carreira no estrangeiro, sendo responsável por espetáculos nas principais capitais europeias e latino-americanas.
Destacam-se da sua discografia álbuns como Poema de Amor (1962); Dois na Bossa (1965); Elis e Tom (1974); Falso Brilhante (1976); Elis (1980); e Elis Regina - Montreux Jazz Festival (editado postumamente em 1982), entre muitos outros sucessos.
Fontes: Infopédia
wikipédia (imagens)
 
Elis Regina - Em pleno verao.jpg
 
Resultado de imagem para elis regina
 
 
 
 
 

Sem comentários:

Enviar um comentário