sábado, 27 de maio de 2017

27 de Maio de 1877: Nasce a Bailarina Isadora Duncan

Angela Isadora Duncan foi uma bailarina norte-americana, nascida a 27 de Maio de 1877 e falecida a 14 de Setembro de 1927, era filha de imigrantes irlandeses. Começou a dançar aos 14 anos. Não tendo seguido qualquer curso de dança clássica, rejeitou a técnica académica, que não podia executar por falta de preparação. Assim, deu início a um estilo próprio, a que chamou "dança livre" por não estar sujeita a regras, exprimindo apenas as emoções. Defendeu que na dança tudo o que não fosse natural deveria ser abolido. As suas coreografias eram inspiradas pelas figuras das dançarinas nos vasos gregos vistos por Isadora segundo algumas fontes, no Museu do Louvre, já outras fontes informam que tais vasos foram vistos pela bailarina no museu britânico.
Apresentou-se na Europa na viragem do século, obtendo grande sucesso. A simplicidade das suas danças surgiu como algo de novo no meio artístico saturado do fim do século XIX. É considerada a precursora da dança moderna.
Isadora morreu num acidente de automóvel quando viajava num carro descapotável e a sua echarpe ficou presa a uma das rodas, estrangulando-a. Durante anos uma amiga disse que as últimas palavras proferidas antes de entrar no carro conduzido por um jovem, foram: "Adeus, amigos! Vou para a glória.", tendo anos depois rectificado que eram "Adeus amigos. Vou para o amor". A sua intenção era que Isadora fosse recordada com uma frase mais elegante que aquela que realmente proferiu .
Fontes:Isadora Duncan. In Infopédia [Em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2012
wikipedia (Imagens)
Arquivo: Isadora Duncan portrait.jpg

Isadora Duncan

Ficheiro:Isadora duncan.jpg
Isadora Duncan - Fotografia de Arnold Genthe

Arquivo: Isadora Duncan 1.jpg
Isadora Duncan numa pose de inspiração grega

Sem comentários:

Enviar um comentário